Ser no infinitivo

Ser criança é apontar estrelas e esperar verrugas. É engolir chiclete, caroço de azeitona e choro. É pedir cosquinhas de novo, de novo, de novo… “Agora chega!” “Não! Por favor! Só mais cinco minutinhos!” É pedir cinco minutinhos a cada cinco minutinhos. Ser criança é sonhar o tempo todo acordado. É falar com anjos eContinuar lendo “Ser no infinitivo”

SOBRE MUDANÇAS E TRAGÉDIAS

Todas as grandes mudanças que ocorrem em nossas vidas são, essencialmente, abruptas, incalculáveis e necessárias. Aprenda que nem todo risco é mensurável, portanto não existe planejamento perfeito. Sempre haverá dois fatores que fugirão ao seu controle: a sorte e a tragédia. À tragédia e à sorte você pode dar o nome que quiser: destino, acaso,Continuar lendo “SOBRE MUDANÇAS E TRAGÉDIAS”

PONTUAÇÃO

O que seria do meu amor imaturo, Se nos dias úmidos de inverno Suas palavras não insistissem em me aquecer Nas reticências tranqüilas de seus abraços, Sufocando cada interrogação com beijos explicativos? E se minha insegurança exclamativa, pois juvenil, não respirasse em seus pontos parágrafos? Assim continuamos nosso texto, Em meio às folhas de rascunho…Continuar lendo “PONTUAÇÃO”